03 atitudes que diminuem a vontade da sua equipe de loja

Alguns falam que podemos aprender com os nossos erros, no entanto, quando falo com vários líderes de loja, concluo que é muito mais sábio se tentarmos evitar tais erros e compreender toda as formas de performance de uma empresa varejista.

Confira a seguir 3 atitudes que você, gerente de loja, precisa evitar a qualquer custo para não diminuir  a motivação de sua equipe ainda mais.

1 – Ser um gerente ausente

Olha, amigo, não confunda saber delegar com  ser um líder ausente para sua equipe. Para qualquer um do piso de loja é extremamente importante estar sempre por perto para ajudar e orientar quando necessário.

2 – Não saber contratar

Você sabia que a falta de motivação pode já começar no momento da contratação? É fundamental que você saiba exatamente quais as características e competências necessárias que uma pessoa precisa ter para assumir cada posição na sua empresa.

Então, monte um descritivo de cargos e salários para te ajudar nesta tarefa, uma vez que contratar pessoas muito qualificadas ou que não possuem um conhecimento técnico necessário para determinado cargo estar dentro de sua loja só vai acabar frustrando ambos os lados e diminuindo ainda mais a produtividade da empresa.

3 – Esquecer do feedback

Como os seus colaboradores saberão que estão fazendo algo errado ou se você está insatisfeito com o trabalho deles se você não disser nada? Não dar feedback – ou fazê-lo da forma errada – é um dos principais erros que os gerentes de loja cometem.  Minha sugestão é manter conversas frequentes, claras e objetivas com a sua equipe. Dessa forma, eles vão conseguir evoluir e ser reconhecidos quando um objetivo for alcançado. É inteligente não deixar as coisas ‘esfriarem’ e isso afeta diretamente a produtividade.

Se gostou desse conteúdo compartilhe com seus colegas ou comente aqui sugestões para o nosso bate papo do varejo.

Se você também possui esta dificuldade com sua equipe, utilize os pontos que abordamos neste espaço e compartilhe para corrigir com o varejo.

Ederson Varejo

Deixe uma resposta